Siddhartha, um poema indiano, de Hermann Hesse

Capa do livro Siddhartha de Hermann Hesse

Siddhartha de Hermann Hesse é inspirado na história do mestre religioso e fundador do budismo no século VI a.c.,  Siddhartha Gautama.

O Siddhartha Gautama histórico é criado isolado do mundo num palácio, e o seu pai tentou esconder-lhe sempre a realidade exterior e o sofrimento humano. Mas um dia Siddhartha sai do seu palácio e vê um idoso, depois um doente e finalmente a morte num corpo em decomposição. Perturbado com estas visões, Gautama parte do seu palácio como asceta, procurando respostas para o sofrimento humano. Continuar a ler “Siddhartha, um poema indiano, de Hermann Hesse”

O Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde

fotografia de Oscar Wilde

Impressões de leitura do Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde

O que é mais valioso? A beleza ou as as virtudes?

Dorian Gray era um jovem muito belo, admirado por todos. Ao admirar a sua imagem no retrato pintado por Basil Hallward, lamenta profundamente que seja esse retrato a conservar a sua própria beleza com o passar do tempo. Ele declara que daria a sua própria alma em troca da sua eterna juventude.  Continuar a ler “O Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde”

1984 de George Orwell

imagem de destaque do livro 1984 de George Orwell

1984 de George Orwell

O universo deste livro é o mais opressor que li até hoje: Winston é observado em todos os lugares por onde passa, e em todos os momentos, com pequeníssimas brechas onde possa respirar. Todas as suas palavras, movimentos e até expressões faciais são observados pelo governo mais opressor, controlador e perverso de todos os tempos. Continuar a ler “1984 de George Orwell”

Peito grande, ancas largas – Mo Yan

Capa do livro Peito grande, ancas largas de Mo Yan

Peito grande, ancas largas, de Mo Yan

 

Quando li este livro, em Setembro de 2015, o meu gosto pela leitura encontrava-se adormecido há alguns anos por razões misteriosas.

A minha vontade de criar um blogue e partilhar algo com o mundo motivou-me a voltar a ler, e este foi um primeiro grande desafio desta nova fase de vida.

A forma crua com que Mo Yan  mostra a dura realidade rural da China desde o início do século XX, não me deixou indiferente… Continuar a ler “Peito grande, ancas largas – Mo Yan”